Serão aproximadamente 100 expositores e são esperados 4,5 mil visitantes altamente qualificados nos três dias de evento, entre produtores e empresas rurais, empreendedores, associações e cooperativas, startups, tradings do agro global, importadores e câmaras de comércio.

logotipo-Agro-Expo-International[1]

São Paulo terá evento internacional de agronegócio em 2020

Data: [su_meta key="data"]
Postado por: [su_meta key="jornalista"]
Fonte: [su_meta key="fonte"]

A cidade de São Paulo será sede do Agro Expo International 2020, informou o governador João Doria nesta quinta-feira (28) durante cerimônia ocorrida no Palácio dos Bandeirantes.

O evento, inspirado em modelos internacionais de networking, será realizado entre os dias 16 e 18 de novembro de 2020 no Transamerica Expo Center, na capital paulista.

“O agro tem uma importância capital para nosso estado. São Paulo representa 22% de toda a produção do agro nacional. Somos líderes mundiais em açúcar, álcool, etanol e suco de laranja, temos posições destacadas em grãos e proteína animal. O número de empregos vinculados ao agro também é grande, foi um setor que cresceu quase 9% na oferta de novos postos até outubro e nosso objetivo é atingir 15% de crescimento de mão de obra em 2020. O objetivo desse evento é atingir os principais mercados internacionais, com destaque para China, Oriente Médio e EUA“, disse Doria.

Serão aproximadamente 100 expositores e são esperados 4,5 mil visitantes altamente qualificados nos três dias de evento, entre produtores e empresas rurais, empreendedores, associações e cooperativas, startups, tradings do agro global, importadores e câmaras de comércio.

Estão previstas 4,6 mil reuniões estruturadas que devem gerar volume de negócios estimado em mais de R$ 2 bilhões.

Além disso, serão oferecidas aproximadamente 90 palestras para discutir as principais tendências e demandas globais e demonstrar a realidade do agronegócio brasileiro e da produção de qualidade, como sustentabilidade e tecnologia.

“É uma oportunidade de prospectarmos o futuro e conhecer as demandas do mundo, nos colocarmos um passo a frente na discussão global. Serão três dias de novas conexões, posicionamento, conteúdo relevante e crescimento exponencial”, afirmou o Secretário de Agricultura e Abastecimento Gustavo Junqueira.

Deverão ser tratados temas como Agro Produção – do plantio a colheita, quem faz acontecer; Agro 5.0 – as tecnologias emergentes e conectividade; Agro Excelência – com serviços financeiros, governança e gestão; Agro Global – agroindústria de alimentos e bens de consumo, exportação e abertura de mercado; e Agro Startups – soluções disruptivas, trazendo as 50 melhores startups com o objetivo de captar R$ 100 mil em investimento para cada.

notícias agronegócio

Artigos

Notícias do Mercado