Prime Action Consulting

Notícias Setoriais

Sexta-feira, 12 de Janeiro de 2018 | Site Baguete
Receita de telecom subirá 20% até 2022
Júlia Merker

A receita total de serviços de telecomunicações no Brasil terá alta de 20,42% e atingirá US$ 45,76 bilhões em 2022, contra US$ 38 bilhões em 2016. O crescimento terá relação com o faturamento de serviços que não sejam de voz, especialmente os de dados móveis 3G e 4G.

O estudo da consultoria Frost & Sullivan também detalha que a receita do segmento residencial deverá ter a maior taxa de crescimento anual composto (CAGR), com 4,2% entre 2016 e 2022. 

Foto: Crescimento do mercado de telecom terá relação com a receita de serviços que não sejam de voz.(Pexels)

Já a taxa do segmento de pequenas e médias empresas deve ter queda de 0,5%. Para grandes empresas, o declínio será de 3%.

Os serviços de banda larga fixa terão crescimento médio de 8,1% em receita no período, enquanto a TV paga terá CAGR de 4,3%.

O serviço móvel crescerá em média 4,1%, enquanto a comunicação de dados (IP Dedicado, VPN IP MPLS, linhas privadas, circuitos, VSAT e dados internacionais) avançará 1,9%. 

Já a telefonia fixa cairá 5,9% no intervalo de seis anos. No geral, as receitas de voz deverão continuar a redução já apresentada, enquanto as de aparelhos e as de serviços de valor agregado (SVA) terão CAGR respectivamente de 17,9% e 16,3%.

Apesar da previsão de crescimento até 2022, a avaliação da consultoria é que incerteza econômica, carga tributária, encurtamento de ciclos de tecnologia, rentabilidade reduzida e concorrência das companhias over-the-to foram fatores que frearam o crescimento do mercado de telecomunicações no Brasil em 2016. 

Para os próximos anos, a consultoria afirma que as OTTs são consideradas a maior ameaça para as empresas de telecomunicações.

Elas têm “a maior probabilidade de alterar cenários de demandas de clientes no futuro", de acordo com a Frost & Sullivan, com a concorrência direta ou indireta impactando nas taxas de crescimento de receita e margem de lucratividade.

Compartilhe:

FILTRE SUA BUSCA POR SEGMENTO


FILTRE SUA BUSCA POR EXPERTISE


FILTRE SUA BUSCA POR AUTOR