Prime Action Consulting

Notícias Setoriais

Quarta-feira, 12 de Setembro de 2018 | IDGNow!
Qualcomm e Ericsson realizam primeira chamada 5G em um smartphone
Redação IDGNow!

A Qualcomm e a Ericsson conseguiram realizar, com sucesso, a primeira chamada em conformidade com os padrões 5G em ondas milimétricas em um dispositivo móvel. A ligação foi feita na última semana no laboratório da Ericsson, no distrito de Kista, na Suécia. 

Segundo a Qualcomm, o teste foi realizado com rádio comercial 5G AIR 5331 da Ericsson e um dispositivo móvel de teste com o modem Qualcomm Snapdragon X50.  A iniciativa é uma continuação dos testes de interoperabilidade anunciados em 2017.

“A mobilização do mmWave para smartphones tem sido vista como um desafio impossível, mas esta demonstração confirma que estamos no caminho certo para levar experiências inovadoras de 5G com ondas milimétricas aos consumidores”, ressaltou Cristiano Amon, presidente da Qualcomm, em comunicado enviado à imprensa.

O 5G está definido para ser a quinta geração de banda larga sem fio padronizada em larga escala. Para expressar isso de forma um pouco mais flexível, é o que conectará seu smartphone e outros dispositivos inteligentes à Internet quando você não estiver usando o Wi-Fi no futuro.

Como seus predecessores, o 5G é baseado no padrão IEEE 802.11ac. No entanto, ao contrário do 3G e do 4G, o 5G foi projetado com base nos padrões de uso de smartphones da maioria dos usuários modernos e nos desejos dos fornecedores de criar produtos mais complexos que exigem maior uso de dados com menos latência do que o 4G atualmente permite.

O 5G promete oferecer uma cobertura melhor, velocidades significativamente mais rápidas e permitir dispositivos mais responsivos que podem permanecer conectados constantemente entre si. 

Quando o 5G chegará?

Era esperado que a 5G chegasse em 2020. No entanto, com a certificação da primeira especificação oficial de 5G da 3GPP no ano passado, as operadoras em todo o mundo estão atualmente se preparando para construir e implantar redes 5G já em 2019.

Compartilhe:

FILTRE SUA BUSCA POR SEGMENTO


FILTRE SUA BUSCA POR EXPERTISE


FILTRE SUA BUSCA POR AUTOR