Prime Action Consulting

Notícias Setoriais

Terça-feira, 14 de Agosto de 2018 | Site Canaltech / Anatel
Brasil perde mais de 1,14 milhão de linhas fixas nos últimos 12 meses
Natalie Rosa

O número de linhas fixas no Brasil está caindo a cada vez mais. Em julho deste ano, segundo a Anatel, a redução foi de 2,76% em relação ao mesmo período do ano passado.

O mês de junho foi fechado com o total de 40,22 milhões de linhas, sendo 1,14 milhão a menos do que o mesmo mês de 2017.



Ainda segundo os dados da agência, em junho as empresas autorizadas possuíam 17,1 milhões de linhas fixas, enquanto as concessionárias 23 milhões. No período de 12 meses, as companhias autorizadas contaram com aumento de 0,4%, mas as concessionárias apresentaram queda de 4,97%.

Em relação aos estados que apresentaram a maior perda, comparando os meses de maio e junho de 2018, São Paulo está no topo com menos 28,7 mil linhas fixas, uma redução de 0,19%. Na sequência está o Rio de Janeiro com queda de 24,7 mil (-0,53%), e Minas Gerais com 11,6 mil linhas a menos (0,3%).

Entre os que apresentaram aumento está Santa Catarina, com mais 4,2 mil linhas (crescimento de 0,25%), e o Tocantins, com o total de 510 linhas a mais (aumento de 0,36%).

Os dados da Anatel também mostram, entre as empresas autorizadas, que a Claro lidera o mercado de linhas fixas, com 62,41% de participação, seguida da Vivo, com 27,93% e Tim, com 4,51%. Entre as concessionárias a Oi apresenta 55,72% de participação, Telefônica 40,30% e Algar 3,26%.

Compartilhe:

FILTRE SUA BUSCA POR SEGMENTO


FILTRE SUA BUSCA POR EXPERTISE


FILTRE SUA BUSCA POR AUTOR